PEC 32: Se votar, não volta!

10/11/2021 | 09:06



Pressão sobre parlamentares segue firme, sem tréguas, até a derrota da PEC 32





As organizações sindicais do setor público, apoiadas por diversas entidades do setor privado, seguem firmes e mobilizadas nos aeroportos; articulando politicamente junto a parlamentares nas Casas Legislativas das esferas municipais, estaduais; na Câmara dos Deputados e no Senado  Federal, esclarecendo os incalculáveis prejuízos de uma eventual aprovação da matéria e suas nefastas consequências para o cidadão contribuinte, que depende dos serviços públicos para o atendimento de suas necessidades em Saúde, Educação, Segurança Pública e demais serviços essenciais.

Nesta terça-feira (09/11) a mobilização no Aeroporto de Brasília ganhou destaque, uma vez que estabelece um contato direto com deputados e senadores e abre a oportunidade de diálogo com os parlamentares do Congresso Nacional. Na avaliação dos coordenadores do movimento, somente a mobilização constante e a permanetente vigilância aos atos do Legislativo poderão impedir que a destruição dos serviços públicos brasileiros se materialize.
 
Assista:



 

“Desgastada, a PEC 32 é cada dia mais compreendida e associada ao fim dos serviços públicos. A sociedade já entendeu seus objetivos e não apoia essa agenda criminosa. Os nossos representantes no parlamento brasileiro já perceberam, em suas bases eleitorais, o brutal prejuízo político de estar corroborando com esse crime lesa-pátria. E é assim, espalhando conhecimento e denunciando essa armadilha governo que conseguiremos, enfim, derrubar a maior de todas as ameaças ao serviço público brasileiro”, avalia o Diretor de Relações Institucionais da CSPB, João Paulo Ribeiro “JP”.
 

 
Secom/CSPB com Imprensa NCST
 
.

Preencha o campo abaixo para receber todas as nossas notícias e informações diretamente no seu email! ;-)