MS: Parlamentares de Mato Grosso do Sul anunciam à Feserp voto contra reforma administrativa

15/09/2021 | 08:30





A diretoria executiva da Feserp está enviando desde ontem mensagens aos senadores e deputados federais solicitando que os mesmos rejeitem a Proposta de Emenda Constitucional 32/20, da reforma administrativa, de autoria do Governo Federal, que será analisada hoje pelo plenário da Câmara dos Deputados.

O movimento teve início após a instituição enviar ofício aos parlamentares alertando-os de que a proposta do governo “não se trata de reforma, mas sim do desmonte do serviço público, cujos reflexos negativos não ficarão restritos aos servidores, em todas as suas esferas, mas também a todo o conjunto da sociedade”, conforme pontua a presidente da instituição, Lílian Fernandes.

De acordo com o documento,”ao invés de promover investimentos para que a população tenha acesso a serviços púbicos de qualidade, o que o governo federal pretende com essa PEC, é tornar ainda mais precárias as condições de trabalho e por fim à segurança jurídica na carreira dos servidores públicos”.


Respostas


Parte dos parlamentares respondeu ao pedido da Feserp, como foi o caso da senadora Simone Tebet, que garantiu trabalhar pela rejeição da matéria quando esta chegar ao Senado. Também contrários à aprovação se manifestaram os deputados Fábio Trad, Vander Loubet e Dagoberto Nogueira, além da deputada Rose Modesto.




Fonte: Federação Sindical dos Servidores Públicos Estaduais e Municipais do Estado de Mato Grosso do Sul - Feserp/MS
 
.

Preencha o campo abaixo para receber todas as nossas notícias e informações diretamente no seu email! ;-)

Em vídeo, João Domingos Gomes dos Santos destaca papel indispensável dessas categorias, evidenciado, sobretudo, durante o enfrentamento heroico contra a pandemia coronavírus.