fechar atenção

Busca não realizada!

Sua busca deve conter no mínimo 2 letras

Lançada Jornada Unitária em Defesa do Serviço Público

4/09/2020 | 08:47


Sebastião Soares e Lineu Mazano, dirigentes da CSPB e da NCST



Dirigentes da Confederação dos Servidores Públicos do Brasil – CSPB e da Nova Central Sindical de Trabalhadores – NCST participaram, nesta quinta-feira (03/09), do lançamento nacional da Jornada Unitária em Defesa do Serviço Público. O movimento, de iniciativa do Núcleo do Trabalho do Partido dos Trabalhadores (PT), visa impedir continuidade da agenda de retrocessos e ataques aos servidores e serviços públicos do país, e reuniu, além de parlamentares, entidades municipais, estaduais, nacionais e internacionais vinculadas ao setor público.

O foco das ações busca atuar em conjunto com o Congresso Nacional pela preservação de direitos consagrados no texto constitucional, bem como encaminhar o cumprimento das convenções internacionais ratificadas pelo país junto aos organismos internacionais que participa. Dentro da agenda de ações do movimento, outros dois seminários virtuais serão realizados – dias 10 e 17/09 - com objetivo de esclarecer o papel e a importância dos servidores públicos, bem como os riscos das privatizações para o desenvolvimento e progresso nacional.

 
Sebastião Soares foi um dos mediadores da Live juntamente com o Deputado Federal Rogério Correia (PT-MG)


Assista:




* Ajuste o volume do áudio arrastando o mouse no canto inferior direito do vídeo acima


Live de lançamento da Jornada Unitária


Na oportunidade, os convidados participantes denunciaram a escassez de trabalhadores do setor público em comparação com países integrantes da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE); a baixa remuneração em comparação com a maioria destes países e a tentativa de terceirizar, à iniciativa privada, a responsabilidade do Estado de ofertar serviços essenciais à população, restringindo o acesso à saúde, educação, segurança, saneamento básico e moradia; o mínimo essencial para justificar a arrecadação de impostos que, desproporcionalmente, incide sobre o consumo de produtos e serviços necessários à sobrevivência; poupando uma necessária tributação das grandes fortunas, dos lucros e dividendos e afortunadas heranças. Tal circunstância, avaliam, “consolida e amplia a injustificável desigualdade social do país”.


Entre as sugestões para o enfrentamento dos desafios sanitários, sociais, econômicos e combate á agenda de destruição dos serviços públicos, destacam-se:


- a suspensão da Emenda Constitucional 95, que congela investimentos primários, por 20 anos, incluindo serviços essenciais;

- a aprovação da Emenda Substitutiva Global (EMC 178/2019), que viabiliza uma arrecadação tributária mais justa e progressiva;

- a preservação dos direitos e garantias constitucionais, que viabilizam uma atuação independente dos trabalhadores contratados pelo Estado;

- a revisão dos valores destinados ao pagamento da dívida pública por meio de uma auditoria ampla e solidária;

- fortalecimento dos serviços públicos, por meio da ampliação do quadro de servidores concursados e valorização salarial destes profissionais;

- combate às Fake News sobre as contas públicas, trazendo à luz a realidade do investimento público no país; entre outros...


Importante


A programação não se encerra com o lançamento!

Segue agenda para as próximas semanas:


- 1º Seminário virtual – Os mitos e as verdades sobre servidores e serviços públicos, empresas públicas, estatais e seus trabalhadores – 10/09, às 18h.

- 2ª Seminário virtual – As privatizações, a desnacionalização do patrimônio público e das riquezas nacionais – 17/09, às 18h.



Compartilhe, divulgue, participe!


* Ambos eventos serão transmitidos no Facebook oficial da CSPB



Clique AQUI e baixe o Manifesto em Defesa dos Serviços Públicos




Secom/CSPB com Imprensa NCST



 
.

Preencha o campo abaixo para receber todas as nossas notícias e informações diretamente no seu email! ;-)

Em vídeo, João Domingos Gomes dos Santos destaca papel indispensável dessas categorias, evidenciado, sobretudo, durante o enfrentamento heroico contra a pandemia coronavírus.