fechar atenção

Busca não realizada!

Sua busca deve conter no mínimo 2 letras

Fenaspen convoca categorias filiadas para votação da PEC 372/2017

11/09/2019 | 07:24



O Presidente da Federação Nacional Sindical dos Servidores Penitenciários - Fenaspen, Fernando Ferreira de Anunciação, convoca todos os sindicatos e parceiros para comparecer na quarta-feira  (18  de setembro de 2019)  para votação, em primeiro turno na Câmara dos Deputados, da PEC N° 372/2017, que cria e regulamenta a Polícia Penal.


Assista a convocação:




No canto inferior direito do vídeo acima, ajuste o volume do som



O relator escolhido - deputado federal Leo Moraes (Podemos/RO), acabou de sair da reunião com o presidente Rodrigo Maia e entrou em contato com o presidente da Fenaspen informando que, em comum acordo com o Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, a PEC que cria a Polícia Penal será votada na próxima quarta-feira 18 de setembro de 2019.

Lembramos que nas últimas semanas foi realizado um trabalho incansável de abordagens e convencimento, inclusive junto ao Presidente da Câmara de Deputados, como como as que ocorreram nesta terça-feira (09), em frente a sala da reunião de líderes, para conseguir a data de votação.

Tivemos grandes colaborações de líderes de vários partidos que ajudaram nesta batalha e pediram que se marcasse uma data.

Agradecemos a todos que ajudaram, porém, agora é a hora de comparecer ao Congresso Nacional para este dia que entrará para a história, com a votação em 1° turno. Posteriormente, sendo aprovada, a PEC 372 irá para a confirmação em 2 ° turno e, novamente referendada, para promulgação.


Acreditamos em vocês e que nosso sonho se confirme em breve.

COMPAREÇAM!


Fernando Ferreira de Anunciação
Presidente da Fenaspen





Fonte: Federação Nacional Sindical dos Servidores Penitenciários - Fenaspen

 
.

Preencha o campo abaixo para receber todas as nossas notícias e informações diretamente no seu email! ;-)

24 de Maio: Presidente CSPB convoca filiadas e cerrarem fileiras em defesa da imediata redemocratização do país. Segue a íntegra do pronunciamento: