fechar atenção

Busca não realizada!

Sua busca deve conter no mínimo 2 letras

CSPB aponta, no STF, prejuízos econômicos caso a MP 873 seja convertida em Lei

14/03/2019 | 14:10





A Confederação dos Servidores Públicos do Brasil – CSPB, em conjunto com um expressivo coletivo de entidades do setor público, reuniu-se, nesta quarta-feira (13), com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli.  Na avaliação do presidente da entidade, João Domingos Gomes dos Santos, o mutirão de atividades somado às articulações políticas conduzidas pela representação sindical da classe trabalhadora - tanto do setor público quanto do ter privado – está criando uma “perspectiva real de vitória contra a Medida Provisória (MP 873/2019).”

Em vídeo, o líder sindical esclarece que a Medida Provisória 873, caso seja convertida em lei, acarretará prejuízos econômicos ao país ao impossibilitar relações comerciais do Brasil no âmbito da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE), levando ao conhecimento do presidente da Suprema Corte, uma nova dimensão ao debate sobre os impactos sociais e econômicos da MP 873.
                                                                                                                         


Assista o pronunciamento do presidente da CSPB:


 





Clique AQUI e acesse a íntegra do manifesto entregue ao presidente do STF, ministro Dias Toffoli.
 




 
Secom/CSPB
 

.

Preencha o campo abaixo para receber todas as nossas notícias e informações diretamente no seu email! ;-)

24 de Maio: Presidente CSPB convoca filiadas e cerrarem fileiras em defesa da imediata redemocratização do país. Segue a íntegra do pronunciamento: