COMISSÃO DIRETIVA É APROVADA POR UNANIMIDADE

20/11/2012 | 16:16


Com uma encenação evocando princípios da união e da solidariedade para a conquista do bem comum, teve início a solenidade preparatória de instalação do 23º Congresso Nacional da Confederação dos Servidores Públicos do Brasil, na tarde desta segunda-feira. Os delegados aprovaram, por unanimidade, a comissão proposta pelo conjunto das federações, que vai dirigir os trabalhos até a próxima quinta-feira, tendo como à frente Mauro Zica Junior, presidente da Federação dos Servidores Públicos de Goiás - FESSPUMG.

"Este será um dos congressos mais marcantes e cujas decisões vão interferir na próprias relações de trabalho. daqui vão sair deliberações que vão influenciar no papel dos servidores e na prestação dos serviços aos usuários. A partir de agora, fizxem-se na performance apresentada, que prega a solidariedade. Contamos com a colaboração de todos. cada delegado é o próprio congresso", convocou o presidente da CSPB, João Domingos dos Santos, lembrando que cerca de 900 pessoas se inscreveram para o evento.

Todos rezaram um pai nosso em homenagem aos diretores falecidos Raimundo Nonato Cruz, ex-presidente da Confederação e que dá nome ao congresso; Maria José da Silva Mendes, que era diretora de Comunicação; e Brasil Paraná de Cristo, vice-presidente do Paraná.

Mauro Zica agradeceu o apoio irrestrito do plenário. "É bom conduzir um trabalho quando temos o apoio de todos. Assumimos esta responsabilidade com muita determinação, desejando que todos participem ativamente dos debates nas comissões temáticas e das eleições. Vamos todos ao trabalho", conclamou.

"Quero parabenizar a todos que construíram até aqui o nosso congresso e a todos que saíram de suas casas para aqui representar todos os estados e todos os servidores federais, estaduais e municipais, dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário. Quero também agradecer e parabenizar nosso presidente João Domingos pelo belo trabalho realizado nos últimos cinco anos e pelos próximos anos", disse o presidente da Federação Interestadual dos Servidores Públicos - FESEMPRE, Aldo Geraldo Liberato, primeiro vice-presidente da comissão.

Segundo o segundo vice-presidente da comissão diretiva do congresso e presidente da Federação dos Servidores Públicos do Paraná - FESMEPAR, o congresso terá êxito com a participação de todos. "Isso é fundamental para que possamos trabalhar no ano que vem com mais força, pois temos pela frente a luta pela regulamentação da Convenção 151 da OIT, de forma a reconhecer nossos direitos", disse.

"Espero que o relatório vá ao encontro das ideias e venha consubstanciar o anseio de todos. Que Deus me ajude e vocês colaborem. Esse é o momento da grande luta pela efetivação da Convenção 151. A Constituição nos deu o direito de sindicalizar, mas não de ser sindicalista, pois não podemos negociar", argumentou o presidente da Federação dos Servidores Públicos do Rio de Janeiro, Marcos Vinício Gomes Pedro, eleito relator da comissão diretiva do 23º Congresso.

SECOM - CSPB
Geralda Fernandes
.

Preencha o campo abaixo para receber todas as nossas notícias e informações diretamente no seu email! ;-)